segunda-feira, 23 de julho de 2012

QUANDO SURGE A FÉ

 
  Por várias noites tenho dormido mal,
A tristeza me consome e não sei o que fazer.
Não sei quando isso começou,
porém, ela me destroça e me deixa assim.

Triste, aflito e desiludido,
sem rumo e perdido pela escuridão.
O que fazer?
Na minha cabeça é essa a pergunta que sempre me faço.

Procuro pela luz, mas esta, já não se faz presente.
Assim, continuo perdido com a única força que ainda me deixa de pé,
Minha fé.

Onde está aquela alegria que antes me consumia?
Aquela vontade de viver,
tantos sonhos a realizar?
Será que esqueci o que é ser feliz?

Se quiseres uma resposta,
só posso te dar uma:
Não!
Não esqueci o que é ser feliz!


Esta felicidade se encontra adormecida,
quietinha dentro de mim.
Pronta para acordar e se expandir em todas as direções,
assim que minha vitória chegar.

Até esse momento,
seguro-me em minha fé.
Pois no momento em que não temos mais motivos pra acreditar em Deus,
Eis que este surge e nos carrega em seus braços.
                                                  
Autor: RODRIGO LOURENÇO 
POLICIAL MILITAR
21ª Cia PM Ind - Ponte Nova