quarta-feira, 15 de agosto de 2012

COLETIVO OU INDIVIDUALISMO





“Porquanto, tendo conhecido a Deus, não o glorificaram como Deus, nem lhe deram graças, antes em seus discursos se desvaneceram, e o seu coração insensato se obscureceu. Dizendo-se sábios, tornaram-se loucos. E mudaram a glória do Deus incorruptível em semelhança da imagem de homem corruptível, e de aves, e de quadrúpedes, e de répteis.” – Rom. 1:21-23

A grande conspiração do diabo foi querer tomar o lugar de Deus, e essa atitude de rebeldia e insubmissão permanece pelos séculos na humanidade caída, desde os imperadores, ditadores, loucos, narcisistas, de terem a mesma miserável pretensão de serem “deuses”, divindades na terra, e querer tirar ou negar a honra e glória devidas ao único que é digno de receber louvor e adoração. Quantos nomes poderíamos citar, ate o desaguar predito do reinado do iníquo que está para surgir. Até dentro do cristianismo este fermento persiste ate hoje, num abismo de seu declínio, desde os fariseus, papas, até os apóstolos empresariais de hoje. Deus nos deu Cristo. Cristo gerou a igreja, o seu corpo, pelo qual designou que o mundo conhecesse as virtudes e salvação de Deus. Na beleza da igreja e na perfeita palavra de Deus, não existe lugar para cabeções que vivem lutando para se assentar no lugar do verdadeiro cabeça. Seu propósito está claro no novo testamento, de caminhar na terra através do testemunho do seu corpo. Deus trabalha pelo coletivo e o homem persiste sempre no individualismo.
Tendo iluminados os olhos do vosso entendimento, para que saibais qual seja a esperança da sua vocação, e quais as riquezas da glória da sua herança nos santos;
E qual a sobreexcelente grandeza do seu poder sobre nós, os que cremos, segundo a operação da força do seu poder, Que manifestou em Cristo, ressuscitando-o dentre os mortos, e pondo-o à sua direita nos céus. Acima de todo o principado, e poder, e potestade, e domínio, e de todo o nome que se nomeia, não só neste século, mas também no vindouro; E sujeitou todas as coisas a seus pés, e sobre todas as coisas o constituiu como cabeça da igreja, Que é o seu corpo, a plenitude daquele que cumpre tudo em todos.” - Ef.1.18-23

“Eis que estou à porta, e bato; se alguém ouvir a minha voz, e abrir a porta, entrarei em sua casa, e com ele cearei, e ele comigo. Ao que vencer lhe concederei que se assente comigo no meu trono; assim como eu venci, e me assentei com meu Pai no seu trono. Quem tem ouvidos, ouça o que o Espírito diz às igrejas.” -  Ap. 3:20-22

- Daniel Prado Carneiro – 13.08.12