quinta-feira, 6 de setembro de 2012

HÁ UM RIO


 
O inimigo quando sabe dos talentos que Deus nos concedeu e do poder que temos, quando estamos firmados na força do Senhor, para realizarmos a sua obra, então nos ataca com furor e constantemente, usando qualquer pessoa ou circunstância para nos abater e nos levar ao fracasso. 
Mas pela graça de Deus, somos mais que vencedores em Cristo Jesus. Então, não temos que cair nas ciladas ou no jogo sujo do inimigo, apesar das incessantes lutas e batalhas que vem sobre nós para nos desanimar. Não devemos olhar para isso, mas levantar a cabeça e prosseguir em seguir ao Senhor, buscando-o de todo coração. É isso que temos que fazer. Os problemas continuam lá. O mar vermelho não se abriu. O céu está cinzento e as nuvens carregadas, mas o sol está lá acima das nuvens, mostrando a misericórdia e bondade de Deus que se renova a cada manha para nós. As provações podem ate continuar, mas Deus está caminhando junto conosco nas provações, nos fortalecendo e guiando em meio as lutas. 
Temos que falar que nem o profeta Habacuque, que diz que ainda que nada de certo e só veja provações ao seu redor, "Todavia eu me alegrarei no Senhor; exultarei no Deus da minha salvação. O Senhor Deus é a minha força, e fará os meus pés como os das cervas, e me fará andar sobre as minhas alturas." – Hab.18-19.  
Devemos falar, pensar e agir que nem Davi, que disse, “Portanto não temeremos, ainda que a terra se mude, e ainda que os montes se transportem para o meio dos mares. Ainda que as águas rujam e se perturbem, ainda que os montes se abalem pela sua braveza. Há um rio cujas correntes alegram a cidade de Deus, o santuário das moradas do Altíssimo. Deus está no meio dela; não se abalará. Deus a ajudará, já ao romper da manhã.” – Sl.46:2-5.  
Não podemos ficar paralisados por causa dos sofrimentos, lutas e provações. Deus ordena que continuemos a marchar, louvando o seu glorioso nome, mesmo quando um exército numeroso estiver marchando ao nosso encontro. “O Senhor dos Exércitos está conosco; o Deus de Jacó é o nosso refúgio. Vinde, contemplai as obras do Senhor; que desolações tem feito na terra! Ele faz cessar as guerras até ao fim da terra; quebra o arco e corta a lança; queima os carros no fogo. Aquietai-vos, e sabei que eu sou Deus; serei exaltado entre os gentios; serei exaltado sobre a terra. O Senhor dos Exércitos está conosco; o Deus de Jacó é o nosso refúgio.” - Sl. 46:7-11 .  
 
Daniel Prado Carneiro