domingo, 28 de outubro de 2012

A PALAVRA, FONTE DE TODA REVELAÇÃO



Portanto, cingindo os lombos do vosso entendimento, sede sóbrios, e esperai inteiramente na graça que se vos ofereceu na revelação de Jesus Cristo" - 1 Pedro 1:13  

Todo artigo, estudo, visão da palavra que chegam a nós, através dos santos e irmãos dos diversos séculos antes de nós, saíram de uma só fonte, Cristo e a rica Palavra de Deus. Quando Paulo fala da união de um casal, mas diz que grande 
é este mistério, se referindo a Cristo e a igreja, Ele não fala que este grande mistério é Deus e o povo descendente de Abraão. Deus não invalidou suas promessas ao povo escolhido em Abraão, mas Paulo nos revela que a intenção de Deus, através da cegueira e dureza de coração dos ramos naturais, havia uma profundidade imensa da sabedoria de Deus, em alcançar não um só povo e raça, mas todas as nações, os gentios; por isso que grande é o mistério de Cristo e a Igreja, pois desta união a salvação de Deus que veio para os judeus, foi oferecida a toda a humanidade.   
Jesus necessitou apenas de 3 anos e meio para passar suas palavras de vida para nós, nos revelando o coração de Deus. Não havia mais necessidade dele continuar aqui. Deus então levanta um homem chamado Paulo, que nos revelou as riquezas insondáveis de Cristo, devido sua entrega e consagração apaixonada por Jesus, atraves da graça de Deus, nos concedendo todas as insondáveis riquezas de Cristo, der forma extraordinária nos seus escritos do novo testamento. Nas revelações de Paulo, nos é descortinado todos os mistérios de Deus, que estavam ocultos nos séculos, que Deus fez convergir todas as coisas em Cristo, e o Espírito Santo trabalha em cima destas revelações e verdades imutáveis já nos concedidas ricamente através do iluminar e endossar do Espírito de Deus sobre sua rica e preciosa palavra. Não precisamos ficar lendo tantos livros e passar grande parte da vida procurando coisas novas. Os tesouros estão diante de nós. As minas de Deus estão inteiramente a nossa disposição. Iremos clamar, orar humildemente e pedir que o Espírito nos conceda sabedoria e nos revele toda extensão e grande profundidade da graça de Deus? Ou ficaremos sempre procurando curas, milagres, palavras, revelações, como se Deus ainda estivesse guardando algumas cartas na manga? Tomemos posse de toda riqueza, revelação, promessas e vida eterna já nos concedidas em Jesus.
"Portanto...porque tudo é vosso...seja o mundo, seja a vida, seja a morte, seja o presente, seja o futuro; tudo é vosso, e vós de Cristo, e Cristo de Deus." - 1 Coríntios 3:21-23 

-Daniel Prado Carneiro - 27.10.12