terça-feira, 12 de novembro de 2013

O Colo de Deus

“Senhor, o meu coração não é orgulhoso e os meus olhos não são arrogantes. Não me envolvo com coisas grandiosas nem maravilhosas demais para mim. De fato, acalmei e tranqüilizei a minha alma. Sou como uma criança recém-amamentada por sua mãe; a minha alma é como essa criança. Ponha a sua esperança no Senhor, ó Israel, desde agora e para sempre! ” - Salmo 131:1-3

Nosso interior é por natureza extremamente carente, pois o homem perdeu seu colo divino, sua incomparável presença, seu elo se segurança e perfeição que havia na sua relação com o criador, lá no Éden. Nascemos, vivemos e morremos tendo sempre que administrar esse vazio, essa carência de amigos, de carinho, amor, compreensão, aceitação dos familiares e pessoas que nos cercam. Davi fala exatamente isso no Salmo acima, que somos como uma criança que precisa de colo, de amor materno, de braços que nos acolham e nos abracem com toda ternura que nossa alma tanto almeja. Todos nós temos que lidar com essa questão a vida inteira, em dar e receber. Em amar e ser amado. Em perdoar e ser perdoado, aceitando e acolhendo as pessoas. O cristão deve sempre, como Cristo, estar com os braços abertos para acolher, aceitar e amar a todos, afinal é disto que o mundo mais anseia. Ser amado e assim ser feliz. Só que exatamente nesta carência vital do ser humano, é aonde reside os maiores problemas, desencontros, mágoas, divisões e conflitos sem fim, quando o homem não encontra amparo e amor nas pessoas ao seu redor. Por isso “Deus amou o mundo de tal maneira”. Por isso “Deus é amor”, pois somente o colo dele pode nos deixar satisfeitos, com nossas carências totalmente supridas. Para os mais maduros na fé, mesmo que estejam ou passem por todo tipo de rejeição, isolamento ou provações, a graça de Deus sempre será suficiente para eles, pois confiam e dependem completamente de Deus. Mas muitos ainda tendem inconscientemente a procurar aceitação e amor nos homens do que em Deus. Por isso o Facebook fez tanto sucesso, pois mexeu exatamente no mais profundo e antigo anseio do ser humano. Ser amado, aceito e reconhecido pelos outros. Voce está carente de amor; está ansioso? Ligue o computador, nós temos uma grande variedade de lindas folhas de figueira para voces! 
Davi, neste salmo nos deixa uma grande lição. A arrogância, a ganância, nos leva a divisões, pois nos distanciaremos da simplicidade do coração de Deus. O orgulho, traz inevitavelmente consigo, o vazio interior e a solidão. Se não temos a amizade e comunhão com Deus, buscaremos ela a qualquer preço, nos homens, no prazer e nas coisas materiais. Colocar a esperança nos homens é certo que iremos colher frustrações, decepções e mágoas. Envolver-se com tantas coisas que pensamos ser importantes, com as vaidades decorrentes de um coração arrogante, que se apoia nas coisas do mundo e não em Deus, e buscar assuntos elevados ou pagar qualquer preço para tentar preencher a lacuna dentro de nós que clama por amor, compreensão, perdão e aceitação, também nos deixará como crianças famintas, tristes, insatisfeitas e perdidas.
A solução para todo o vazio e carência do homem não está em ter 500 pessoas num site de relacionamentos, mas em colocar sua esperança no Senhor. E isso devemos fazer a cada dia, a cada instante. Orando, meditando na palavra, clamando e entregando todas as nossas ansiedades nas mãos do nosso Pai, que Davi compara com uma amável, fiel e dedicada mãe, aonde encontraremos o verdadeiro descanso para nossas almas. O amor esfriou, e isso é muito evidente. É claro que todos os filhos verdadeiros sentirão este período, mas teremos que prosseguir, apascentando e buscando comunhão com o remanesceste de Deus Hoje perguntei a Deus em minha mente, com que versículo começaria este texto que Ele havia posto em meu coração. Quando abri a Bíblia, o versículo veio claro e direto em meu coração. Uma criança que descansa tranquila no colo de sua mãe. O Segredo ou mudanças residem apenas em alguns pontos que Davi relata aqui para nossa edificação: Meu coração e olhos são arrogantes, simples, humildes? Estou envolvido com muitas coisas que não suprem nem saciam meu coração e interior? Tranquilizei a acalmei minha alma, levando-a aos pés de Cristo? Tenho colocado minha esperança em quem? Tenho colocado minha confiança e esperança, desde outrora, agora e para sempre no Senhor?
“Naquele dia dirão: "Esse é o nosso Deus; nós confiamos nele, e ele nos salvou. Esse é o Senhor, nós confiamos nele; exultemos e alegremo-nos, pois ele nos salvou". – Isaías 25:9

dpc- 09.11.2013