segunda-feira, 24 de setembro de 2012

TU ME AMAS


"E, depois de terem jantado, disse Jesus a Simão Pedro: Simão, filho de Jonas, amas-me mais do que estes? E ele respondeu: Sim, Senhor, tu sabes que te amo. Disse-lhe: Apascenta os meus cordeiros." - João 21:15

A primeira pergunta que Jesus fez a Pedro, era se ele o amava mais do que os outros, pois estava ali para curá-lo e mostrar que não viera para condenar sua negação, mesmo tendo falado que se todos os deixasse, ele não faria aquilo. Jesus estava dizendo: Pedro eu te conheço muito bem e não te condeno. Eu já te perdoei. Cristo teve que perguntar três vezes a mesma pergunta para Pedro, ate que ele, cabeça dura como era, reconhecesse a sua limitação diante de Jesus, pois não usou o verbo ágape em nenhuma das três vezes que respondeu que amava a Jesus. Jesus queria mostrar duas coisas para eles e para Pedro. Primeiro: "Sem mim, nada podeis fazer." A obra é dele. Tudo é dele. E tudo vem dele, para fazermos o seu querer. Não seria pelo esforço deles, mas somente pela sua graça. Segundo: Jesus queria mostrar para eles, que essa graça e esse amor poderoso que Ele gerou para a igreja que estava para nascer, não era para ficar só para eles, ou que eles usassem de maneira errada essa graça e vocação, revelando a eles o desejo do seu coração. Então a missão deles e a vontade de Deus, estava na mesma resposta, que Cristo disse três vezes a Pedro, aos apóstolos e hoje a nós - "Apascenta os meus cordeiros."

Não devemos desanimar nunca, duvidando do seu grande amor e chamado de fé para nós. Apascentemos o rebanho de Deus.

Daniel Prado Carneiro – 23.09.12